Pular para o conteúdo principal

Postagens

O Figurante em dia de Ator

Além de figurações em filmes que concorreram no festival de cinema de Gramado, participei de outras produções do tipo "Trash", ou "filmes B", aqueles tipos de filmes que ninguem dá atenção ou que são feitos por estudantes de cinema em inicio de carreira, um deles era "A Ignorada", um filme rodado nas ruas de Porto Alegre.
   Eram cenas no centro da cidade e no Parque da Redenção, a atriz principal nem era conhecida mas para várias tinham as figurantes e elas se achavam o máximo tendo reações como as estrelas globais, com manias e jeito de atrizes de ponta.
   O filme como dizia o nome era sobre uma mulher sozinha que não era notada era ignorada por todos e nesse filme fiz o papel de um deficiente visual que a atriz achava que estava olhando para ela sem saber que isso era impossivel, tive meus dias de glória chegando a dar autógrafos na Redenção.
   Assisti esse filme uma vez em exibição na Casa de Cultura Mário Quintana e aí foi mais uma noite de e…
Postagens recentes

Figurante-Eu Tenho um Curriculo

Há alguns anos atrás tive a oportunidade de "me aventurar" na área de modelos de fuguração, não era, não foi e nunca teria sido um atrativo para mim, mas não foi por escolha, foi casualidade e confesso que tenho saudades desse tempo, da convivência com belas modelos que até evoluiram para a carreira de atrizes e outros que acabaram ficando amigos devido ao tempo de espera onde conversávamos longamente enquanto os cenários eram preparados.
   Hoje ao ver uma noticia sobre o tema me dei conta que eu tenho um curriculo de figurante e é isso que mostro abaixo:
   Foram quase 50 comerciais, oficinas de atuação, laboratórios de atuação, um especial de Tv e dois longas metragens, mas infelizmente como não era da área a carreira não evoluiu.O período foi de 2005 à 2013, qundo participei de um último comercial, desde então esperei muito por mais convites que não vieram e simplesmente desisti.

Garotos Propaganda e os Comerciais-Os Tops do Brasil

Chegou aquele momento em que ao invés de falar dos figurantes vou falar das estrelas  de comerciais, quem são os destaques na história da propaganda no Brasil.
   Por exemplo, quem não se lembra  de Carlos Moreno, o Garoto da Bombril, que passou quase que uma vida na TV fazendo comerciais e ficou 35 anos no ar.
   Outro que ficou muito tempo no ar, foi o até então ator desconhecido, José Vallen, o Baixinho da Kaiser, que ficou famoso nos Anos 80.

   Patricia Lucchesi, e o primeiro sutiã, da Valisere em 1987, a menina mulher que chegou a escandalizar quando surgiu.
   As crianças vestidas de bichinhos, foi em 1996 e causou muita emoção.
O Tio da Sukita ficou famoso, o Ator Carillo Pastore, contracenava com a bela Michelly Machri, que depois disso posou para a Playboy e teve seus minutos de fama.
   Zeca Pagodinho, foi outro que impulsionou as vendas, fazendo seu próprio papel e marcou época.


   No próximo post os seis garotos propagandas que mais vendem no Brasil e que todo publ…

Vida de Figurantes que deram certo

Eles entram mudos e saem calados, mas sem sua presença não existiriam novelas, séries, filmes, comerciais nem mesmo programas de auditório. Já imaginou "Os Dez Mandamentos" sem a legião de figurantes atravessando o Mar Vermelho sob às ordens de Moisés? Ou o navio de "Terra Nostra", vazio, tendo como passageiros somente Ana Paula Arósio e Thiago Lacerda? Contracenando com grandes astros e estrelas da dramaturgia, eles são peça fundamental nas produções televisivas e cinematográficas. A vida desses operários do mundo artístico, no entanto, não chega a ser glamourosa como a das divas que encabeçam os créditos. Sílvia Gomes e Sílvio Santana trabalham como figurantes na novela "Pequena Travessa", produção do SBT em parceria com a Televisa mexicana. A maratona de gravações começa cedo. Um ônibus sai da estação Barra Funda do metrô rumo a Osasco – onde ficam os estúdios – às 6h da manhã. O trabalho tem hora para começar, mas os figurantes nunca sabem ao certo qua…

A Musa da Cerveja que encantou o País

I primeira imagem que tive naquela gravação foi essa, a moça andava pelo corredor com um biquini pequeno que emoldurava aquela bela bunda. Logo pensei que seria um belo dia no set de filmagem, principalmente se tivesse mais mulheres assim.
   No final das contas era só ela  e o melhor, só eu. Ou seja, passaria ao lado dessa bela bunda.
   A gravação era a seguinte, eu teria que seguir essa moça(que sacrificio), quase que hipnotizado por ela ou pela bunda que ela tinha e assim foram feitas as tomadas e eu ali só seguindo. Nos intervalos acabamos conversando e foi inevitavel elogiar aquele monumento. Em certo momento eu teria que chegar junto dela e oferecer um copo de cerveja e com isso conquistaria a moça e as cenas seguintes seriam eu "cortejando" a moça, servindo cerveja, abanando para que ela não sentisse calor, levando ela no colo até a piscina e no final faria até uma massagem nela.
   Nessa cena final, quando falei que era massagista a moça se empolgou e pediu que …

O Comercial com Giselle Bundchen...que faltou

De todos os comerciais, ao todo foram mais de 50 o que faltou foi aquele com a Top Internacional gaucha.
   E olha que por vezes isso chegou bem próximo, figuração em comercial da C&A, ou da Sky, foram feitos até testes, mas infelizmente não aconteceram.
   Certamente teria que ser "blindada" a nossa "Gi", pois com o carisma e a simpatia que sempre mostrou seria praticamente impossivel uma aproximação, mas curiosamente a vida as vezes dá voltas que a gente nem sonha, certo dia estava caminhando por meu bairro e me chamou a atenção uma moça que caminhava na minha frente, não pelas curvas pois todos sabem que modelos dificilmente são "curvilineas", geralmente são muito magras, e essa moça em minha frente era exatamente assim, me aproximei e percebi um grande óculos escuros, mas reconheci a nossa Top, sim , era a Giselle, estava indo para sua casa depois de uma caminhada pelo bairro, não resisti e puxei conversa, me identifiquei, infelizmente na épo…

Um Dia de Garçom

Esse foi um momento top na minha curta carreira de figurante, um comercial de cerveja gravado no Estádio Beira-Rio com centenas de pessoas.
   Os grupos eram divididos de acordo com a importância do comercial e lá estava eu no fundo da fila quando fui chamado para a frente, pois eu era do grupo principal, o grupo dos garçons.
   Até hoje não sei como fui parar ali, afinal de contas como já mencionei em outros posts nunca fui ator, embora tenha feito alguns cursos rápidos.
   O primeiro grupo era o de torcedores, ficariam nas arquibancadas, o segundo era o de dançarinas e em comercial de cerveja só tem mulher gostosa, o terceiro era dos figurantes que formariam uma garrafa de cerveja sendo aberta e eu estava no grupo principal , o que seria da tampa da garrafa que seria aberta e esse grupo era formado por garçons, foi o maior cachê, o melhor tratamento, a maior mordomia...